quinta-feira, 31 de julho de 2008

Infantário...


Recebi agora a noticia de que a Sara em principio (ainda não há certezas) entra no infantário no mês de Setembro.
Fiquei com o meu coração tão pequenino, até já chorei...
Sei que ela tem de ir para o infantário vai fazer-lhe bem, mas os primeiros dias vão ser difíceis tanto para ela, que não vai ver lá a mãe, como para mim que vou ter de a lá deixar...
Se realmente ela entrar decidi que vai ser gradualmente ou seja os primeiros dias fica uma hora, depois duas e assim aos poucos pode ser que não lhe custe tanto...
A mim já me está a custar só de pensar que já só falta um mês para me separar do meu amor.
Quem é que lhe vai fazer aquilo que eu lhe faço? Que é que vai estar sempre a brincar com ela?
Quem é que lhe vai dar colinho quando chorar? Quem é que lhe vai dar miminhos a toda a hora?
E tantas outra coisa que só a maezinha é que faz...
O meu coração esta triste... Mas sei que tem que ser assim !

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Ás 16:46h...


Fazes 8 mesinhos!!!
É tão bom ver-te crescer, amo de paixão quando te ris ás gargalhadas, quando fazes beicinho, ou esticas os bracinhos porque queres colo, acho graça ao teu suspiro quando sais do quarto, (detesta o nosso quarto, sabe que só ali vai para dormir e como não gosta de dormir, chora quando lá entra e suspira de alivio quando sai) adoro ver-te, comer mesmo sem um único dentinho mastigas tudo até todos os pedacinhos ficarem desfeitos... Amo isto tudo e muito mais.
Ainda não tens nenhum dentinho, eu e o paizinho estamos a pensar seriamente em te comprarmos uma placa!!!
És a minha vida...Amo-te para sempre...

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Saudades...

Tenho muitas saudades de estar gravida, a minha gravidez foi sempre saudável, do principio ao fim.
Adorava a minha barriga, e que grande barriga que eu fiz! parecia um balão gigante...era linda a minha barriga.
Adorava quando as pessoas diziam, "ah! tem uma barriga tão redondinha...
Amei mesmo estar gravida, adorava sentir a minha bebe aos pontapés a virar-se,até os soluços dela eu sentia (na duvida de que fossem soluços perguntei a medica se os bebes na barriga os podiam ter, ao que ela me respondeu que sim).
Mas quando penso que passados 9 meses vou ter que passar outra vez pelas mesmas dores das contracções, e pelo pós operatório da cesariana ( no meu caso o pós operatório da cesariana foi horrível, durante 13h de sofrimento, lá se lembraram que já estava ali há muito tempo e como não passava dos 3 dedos de dilatação optaram pela cesariana), passa-me logo a ideia de voltar a engravidar.
Mas se o medo passar terá que ser antes dos 30, como ainda faltam uns aninhos pode ser que sim.
Mas sinceramente duvido que ma vá esquecer do que sofri.

sexta-feira, 25 de julho de 2008

O meus amores...

Aqui estão eles! (mas por pouco tempo)

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Maquina de lavar roupa...

Eu como mãe da Sara todos os dias aprendo uma coisa nova. E o que é que descobri desta vez...
Como ela não fica sozinha em lado nenhum, porque se não começa a chorar, lá foi comigo para a cozinha, levei as mantinhas dela para as pôr no chão para ela se sentar, e os brinquedos para se entreter enquanto eu estava a arrumar a dispensa.
E não é que consegui arrumar a dispensa, sem que ela me tivesse chamado a atenção uma única vez.
E tudo graças á maquina de lavar roupa que por acaso naquela altura estava a fazer o seu trabalho. E há mais desta vez não era comigo que a minha filha reclamava para chamar a atenção, era com a maquina de cada vez que ela parava de andar á roda.
Tenho a leve impressão que a partir de hoje a minha maquina vai começar a lavar mais do que uma vez por dia.
E assim descobri uma maneira de entreter a Sara para poder fazer alguma coisa em casa durante o dia.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Parque...


Convencidos de que seria uma boa maneira de a manter entretida pelo menos por um bocadinho, compramos-lhe um parque ( não que seja adepta de ver os miúdos ali enfiados até pelo contrario sempre critiquei quem o fazia, mas pela boca morre o peixe).
No primeiro dia e como era uma coisa nova ainda lá ficou 15 minutos, no segundo ficou vinte....agora nem 5 minutos lá fica!
A minha filha não é capaz de se entreter sozinha, tem de ter sempre alguém com ela e de preferência sempre a falar caso contrario começa a refilar...

sábado, 19 de julho de 2008

Finalmente...




Encontrei uns sapatinhos para o pezinho (gordo) da minha Sara!
Não são nada de especial, mas foram os únicos que encontrei que lhe serviam, e então aproveitei e comprei-os.
No comprimento estão grandes no peito do pé já lhe ficam justos, mas ainda dão para uns dias.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Sapatos...




Parece impossível mas é verdade... eu não consigo encontrar sapatos que sirvam a minha Sara!
Já procurei em todos os sítios possíveis e imaginários e nada de sapatos que lhe sirvam.
A minha cunhada V. também tinha o mesmo problema em comprar sapatos para a F. e até deu um saco cheinho de sapatinhos muito giros e todos coloridos. Assim que lhe comecei a experimentar os sapatos surpresa... nenhum dos sapatinhos lhe servia, e eram para aí uns 15 pares.
Têm o peito do pé muito gordo!
Para além de muitas outras coisas até o peito do pé ela foi buscar ao paizinho!


quarta-feira, 16 de julho de 2008

A hora de dormir...


Não consigo pôr a minha filha a dormir sozinha no quarto dela!
Tenho medo que se passe alguma coisa durante a noite ou que ela acorde e eu não a consiga ouvir, sei lá passa-me tanta coisa pela cabeça...
Por isso a Sara dorme no meu quarto, na caminha dela! Sei que daqui a uns tempos quando tiver de dormir no quartinho vai ser complicado, mas por enquanto prefiro tê-la no meu quarto e vê-la dormir muito sossegadinha ao lado da minha cama.

terça-feira, 15 de julho de 2008

Duas festas...

Hoje dois dos amores da minha vida fazem anos! O meu Pai e o meu maridão.
O meu pai que adoro faz 58 anos e maridão que amo de paixão faz 26.
Em anos anteriores juntava-mos as duas festas e era tudo muito animado e divertido este ano foi completamente impossível fazer um dois em um e vamos ter de nos dividir...
Ao almoço fazemos a festa com os meus sogros, cunhados ,cunhadas e sobrinhas, e ao jantar passamos com os meus pais e irmão.
Vai ser um dia em grande!

Parabéns PAI, por mais um ano de vida, por seres a pessoa que és amo-te.

Parabéns Mor, amo-te como desde o primeiro dia.

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Baptizado...

Ontem fomos ao baptizado do Rodrigo!
Para meu espanto a minha Sara na igreja, portou-se lindamente, não chorou nem fez birra.
Na hora das fotografias abriu as goelas e ninguém a calava, tivemos de ir para o carro, dei-lhe o leitinho e adormeceu.
Só acordou passado 4 horas ou seja em 7 meses foi a primeira vez que eu e o pai fizemos uma refeição do principio ao fim e sem interrupções.
A minha Sara estava linda de morrer.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Dieta...

A minha Sara desde que ficou doente entrou em dieta.
Tão pequenina e já a pensar na linha!!! Coitadinha, anda sem apetite a única coisa que come são iogurtes, porque de resto não toca em nada, nem sequer leitinho que gosta tanto ela bebe.
Fico á espera que volte a ter apetite.

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Gastroenterite...

Foi o que a minha filha teve desde sesta-feira, a febre rondou sempre os 38.5 e os 39.8, e não comia, mas manteve-se sempre bem disposta, nem parecia que estava doente. Sábado fomos ao hospital onde lhe foi diagnosticada a gastroenterite. Durante a noite nem com os supositórios a febre baixou, fiquei preocupada e resolvi ligar para o "doi doi trim trim" fui super bem atendida,e lá me acalmaram e deram-me alguns conselhos tais como, pôr paninhos molhados na testa nos pulsos e nas perninhas, e resultou a febre começou a baixar.
Hoje já está melhor.

quinta-feira, 3 de julho de 2008

O pai...

E não é que a partir do momento em que o pai chega a casa ela começa a falar na linguagem dela estica os bracinhos para pedir colo e não quer saber de mim para nada.
Ou seja eu é que a guardei durante 9 meses na barriga, eu é que lhe dou banhinho, a papinha, mudo as frlaldinhas, brinco com ela todo o dia faço-lhe tudo e mais alguma coisa, e quando o pai chega do trabalho já não quer saber de mim para nada.
Isto não é normal !!!